quarta-feira, 29 de abril de 2015

MARINA - CARLOS RUIZ ZAFÓN


Titulo: Marina
Autor: Carlos Ruiz Zafón
Tradução: Eliana Aguiar
Editora: SUMA das Letras
Ano: 2011
Páginas: 192












"Nada me assustava mais do que não ser capaz de entender ou explicar meus próprios sentimentos."

Nesse livro, o suspense ocorre em Barcelona, em 1980. Óscar Drai, um garoto de 15 anos, vive em um internato e sua vida é solitária e monótona. Em seu tempo livre, gosta de andar pelas ruas e observar os casarões. É em uma dessas saídas que as coisas começam a mudar. Óscar é atraído por uma bela música que vem de um casarão que ele julga abandonado e resolve entrar.

Dentro da casa, ele se depara com um relógio de bolso e pega-o para observar. Eis que de repente o dono da casa aparece e Óscar foge, assustado, levando o relógio com ele.

Depois de alguns dias, com a consciência pesada pelo roubo cometido sem querer, Óscar decide voltar ao casarão para devolver o relógio e é a partir daí que sua vida muda totalmente. Nessa volta, ele conhece Marina, filha do dono do casarão, e os dois logo se tornam grandes amigos.

Certo dia, Marina convida Óscar para um passeio e o leva a um cemitério, onde uma mulher de preto visita um túmulo sempre na mesma data e hora, um túmulo sem nome, com apenas um símbolo gravado nele: uma borboleta negra.

A partir daí eles resolvem desvendar o mistério da mulher de preto, se envolvendo em um caso com muitas aventuras, mistérios, magia, mortes, perseguições e muitos segredos. Descobrindo, a cada capítulo, novos personagens e pistas, revelando a verdadeira história de um caso já esquecido.

Marina é um romance juvenil de Carlos Ruiz Zafón. É um livro que vale muito a pena e é super rápido de ler por conter poucas páginas (189 páginas) e é daquelas histórias que te prendem do início ao fim, que você sente necessidade de terminar logo para saber o que vai acontecer. Por ter poucas páginas, não se torna uma leitura cansativa, sendo possível ler em apenas um dia. O livro envolve elementos como: suspense, terror, aventura, investigações policiais, mistérios, mortes e romance.

Zafón cria personagens interessantes e verdadeiros, com histórias que realmente tocam o leitor pelas tristes tragédias, fazendo com que fique difícil não derramar algumas lágrimas.

Foi o segundo livro de Zafón que li (o primeiro foi A Sombra do Vento) e posso dizer que é meio difícil não se apaixonar pelo escritor e pela sua maneira de escrever, que faz você querer ler todos os livros dele e talvez até sua lista de compras do supermercado. Hahaha ;)

Marina é um livro que agrada todos os públicos, desde adolescentes até adultos e é super recomendado para quem gosta do gênero fantasia/magia.

É isso pessoal, espero que tenham gostado e boas leituras! :)
"Minhas palavras não eram mais do que uma tentativa de esclarecer meus próprios sentimentos..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário