quarta-feira, 24 de agosto de 2016

FORMATURAS INFERNAIS - SALADA MISTA - MICHELE JAFFE

Título: Salada Mista
Autora: Michele Jaffe
Tradução: Camila Mello
Editora: Galera Record
Ano: 2010
Página: 173
Nota: 2/5









Hey pessoal, como estão? :)
Essa semana vou fazer os dois últimos posts sobre o livro Formaturas Infernais. Para quem ainda não conferiu os posts sobre o livro e sobre os outros contos, basta dar uma olhadinha nos posts anteriores do blog. ;) 

Hoje vou falar sobre Salada Mista, da autora Michele Jaffe, e que é a quarta história de uma coletânea de cinco contos. 

"Porque eu sei o que é estar longe de casa, sozinha, tentando se ajustar. E nem poder contar para as pessoas quem você realmente é." 

Salada Mista conta a história de Miranda, uma garota que possui alguns poderes, como conseguir escutar coisas mesmo de longe e que qualquer outro ser humano não conseguiria, além de ser mais rápida e mais forte que todos os garotos que conhece.

A protagonista é a típica garota clichê: desastrada, acredita que nenhum cara nunca vai se interessar por ela, lê livros para conquistar garotos e executa as dicas de forma totalmente errada e embaraçosa, além de se lamentar o tempo todo por passar vergonha sempre.

Miranda joga no time de Roller Derby e, para poder fazer parte do time, ela precisa trabalhar como motorista para a empresa de Tony Bosun.

Num dos trabalhos de motorista, Miranda fica encarregada de buscar uma garota chama Sibby Cumana no aeroporto municipal de Santa Bárbara.

Sibby é uma adolescente de 14 anos que adora fazer perguntas à Miranda, desde perguntas casuais como perguntas totalmente íntimas, o que acaba deixando Miranda constrangida muitas vezes. Além disso, Sibby sempre age de modo que irrita Miranda e beija todos os garotos que consegue.

Assim que Miranda deixa Sibby em seu destino e se afasta um pouco da casa, ouve conversas que mostram que Sibby corre perigo naquele local, pois ela aparentemente é um tipo de profeta e algumas pessoas estão interessadas nela, pois ela tem informações que eles querem e também vale muito dinheiro. Na dúvida entre ir salvar a garota e não se meter em assuntos que não são da sua conta, Miranda decide voltar para ajudar Sibby, e descobre que o delegado da cidade, Caleb Reynolds, pelo qual ela tem uma queda, está envolvido nisso.

Miranda e Sibby fogem e então decidem ir para a festa de formatura de Miranda, para despistar as pessoas que estão atrás delas, porém, os homens logo chegam à formatura a procura delas e, ao se encontrarem sem escapatória, as meninas traçam um plano para despistar os caras e conseguirem fugir, entretanto elas têm pouco tempo para isso e apenas uma chance, se algo der errado será o fim para as duas.

Entre todos os contos do Formaturas Infernais, Salada Mista é o único que não tem absolutamente nada a ver com o gênero e título do livro. A história não tem nada de terror e o máximo de sobrenatural que a história contém é o poder das duas garotas, mas que não é nada grandioso demais. Além disso, os antagonistas da história não são nada a mais que pessoas que desejam matar as garotas, o que me fez perguntar por que este conto faz parte deste livro. A formatura também é algo que deixa a desejar, pois, embora a ação principal ocorra nela, não é muito focada, é mais como uma passagem do enredo.

Além disso, as personagens são extremamente clichês, a ponto de serem chatas na maior parte do tempo, mesmo sendo visível que elas possuem muitas qualidades, como a forma que as duas constroem um grande afeto entre si e se preocupam uma com a outra. Outro ponto que deixa muito a desejar é que as personagens parecem saber falar apenas de um assunto: garotos.

O ponto positivo da história é a amizade que as duas constroem, que realmente se torna algo bonito no final do livro e até mesmo emocionante, do tipo "vocês não podem se separar agora, sejam amigas para sempre". Além disso, apesar da história ser um tanto clichê e "forçada" demais em algumas situações a ponto de deixar chato de ler, foi um dos enredos mais construídos do livro e que a autora explorou mais elementos. O final contém um romance clichê entre a personagem e o cara que ela gosta, mas que achava que não tinha chances com ele, o que me decepcionou um pouco pela forma que isso foi abordado. Enfim, o final conta também com um elemento inesperado que faz o leitor ter uma reação meio "uau, por essa eu não esperava", e isso foi uma das coisas que me ganhou bastante ao terminar de ler a história.

Bem pessoal, espero que tenham gostado. Esta foi a penúltima resenha de Formaturas Infernais. Confiram os posts anteriores e não deixem de conferir também o próximo post, sobre o último conto do livro: Inferno na Terra, de Stephenie Meyer.

Abraços e até mais! :)

"Não era a primeira vez que ela desejava ter um caminho de fuga por perto. Podia ser um pequeno buraco no chão onde ela pudesse entrar e desaparecer..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário